2012 em resumo.

Enfeites natalinos são indícios de fim de ano.

Mais um ano chega ao fim.

2012 foi um dos anos que eu mais esperei chegar e foi o que me surpreendeu. Janeiro foi bastante comum, não há nada de impressionante nele que eu consiga lembrar… exceto o aniversário importante que perdi.
Os meses que vieram depois de janeiro foram excepcionais, criei novas amizades e cultivei as antigas, muitas vezes brigava com amigos e semanas depois voltávamos a conversar novamente como se nada tivesse acontecido. Mantive opiniões e mudei algumas importantes.
Em março comecei a morar sozinho por que minha mãe finalmente havia conseguido um emprego, só que era em outra cidade. Desde então fui aprendendo a “me virar” e finalmente, vivendo com minhas próprias decisões, descobri a dificuldade que é SER ADULTO.
Algumas lembranças de abril e maio são bastante relevantes, com os professores em greve alguns estagiários do Tribunal de Justiça ficavam na Praça da Bandeira comigo até 13h e desde então alguns são oficialmente meus amigos, mas como descrevo no meu Twitter tenho um pequeno problema de memória então não me lembro de detalhes.
Desde 2009 junho deixou de ser um mês de feliz, é o mês de aniversário da minha mãe, mas também é o período que eu perdi uma pessoa muito importante na minha vida. Então, infelizmente não consigo de lembrar de momentos felizes.
A Praia.

JULHO: Que mês hein. Deixei sentimentos falarem mais alto no início deste mês e criei uma tremenda confusão sentimental, mas já passou. Se estou certo, no dia 18 de julho fui para Belém passar duas semanas (que pareceram uma eternidade) de férias com meu pai. Lá em Belém vi os meus avós paternos após dois anos e também os primos e amigos de lá. Faltando pouco mais de 4 meses para eu completar 18 anos fiquei pensando em todos os momentos felizes que vivi por lá, todas as histórias que lembrei contei para alguém que mostrou ser a pessoa certa e ainda é. Ah, claro que eu não poderia esquecer de uma grande surpresa que tive na minha conta telefônica… mensagens de texto são boas e ligações interurbanas matam a saudade mas não exagere!

De julho até outubro passaram aniversários que prometi presentes incríveis e inesquecíveis mas não entreguei nenhum. Esses quatro meses foram um dos mais difíceis de superar, foi uma das grandes superações do ano: Pagar dívidas e balancear os gastos supérfluos. Nunca foi tão difícil crescer.
Ah, em outubro eu tive que fazer o Juramento à Bandeira Nacional “|<o>|”, foi interessante descobrir que muitas pessoas não sabem cantar a segunda parte do hino brasileiro. Eu sei.
E finalmente Novembro chegou… o novembro com N maiúsculo, aquele mês em que eu iria finalmente completar 18 anos. O grande dia chegou, mas me senti tão estranho. Aquela sensação de que eu era oficialmente adulto chegou e não mudou nada. Na verdade foi um dos meus piores aniversários, os amigos e familiares próximos e até os distantes desejaram suas felicitações, mas senti falta de um algo simples, um gesto que eu sempre tive em todos os aniversários e que não tive este ano: acordar e receber os parabéns da minha mãe primeiramente. Isso não aconteceu.
Melhoras?

Com o fim do mês de Novembro chegando as coisas foram melhorando, o mês de dezembro chegou e com ele tive a alegria de recuperar uma grande amizade que pensei ter perdido. Meu estágio no Tribunal de Justiça acabaria em breve então uma amiga conseguiu uma vaga de emprego para mim e aceitei a oferta. Inventei de me despedir de algumas pessoas apesar de não ter sido necessário. Finalmente o natal chegou e com ele um dos melhores presentes que eu precisava, companhia. A previsão seria que eu ficaria sozinho no natal pois minha família mora longe, mas uma amiga me acolheu no dia de natal.  

Tenho a certeza de que 2012 foi “O Ano”.
Ainda faltam dois dias para o ano acabar e parecem ser os mais longos… e a melhor lição que tenho guardada aqui é: Aprender. 
Aprendi a ser paciente, responsável e a pedir desculpas. Enfim, aprendi a crescer.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s